sábado, 30 de julho de 2011

Serra quer dar “pitacos” no PT, mas não se resolve com PSDB

O ex-presidente reagiu à declaração do tucano José Serra, de que Lula deverá ser candidato a presidente em 2014. O petista destacou que Dilma Rousseff só não será candidata a um novo mandato se não quiser.

Ex-presidente LulaO ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez críticas ontem ao ex-governador de São Paulo e candidato derrotado à Presidência em 2002 e 2010, José Serra (PSDB). Lula acrescentou que a candidata do PT à Presidência em 2014 é Dilma Rousseff.

“Serra deveria falar pelo PSDB, ele não está conseguindo resolver com Aécio (Neves) e quer resolver o problema do PT? O Brasil tem uma candidata em 2014 que é a Dilma. Só há uma hipótese de ela não ser a candidata: se ela não quiser”, disse o ex-presidente.

Em entrevista ao jornal espanhol El País, Serra disse que a probabilidade do ex-presidente disputar o Planalto em 2014 é muito alta e que o petista nunca deixou de estar em campanha. Lula disse não acreditar que a oposição possa contribuir com o governo. “Não acredito, é como jogador que está no banco de reserva, diz que está torcendo pelo companheiro, mas quer que ele se contunda. Quando a oposição disser que quer contribuir, é tudo ao contrário. Eles estão torcendo para voltar a inflação e o desemprego aumentar”.

Sobre as prévias no PT para decidir os candidatos em 2012, o ex-presidente afirmou que cada cidade deve decidir se haverá ou não, e que São Paulo ainda não tem uma posição sobre o tema.

Por: O Povo Online