domingo, 21 de agosto de 2011

Rebeldes dizem já controlar Trípoli

Além de prisão de sucessor de líder, outros dois filhos estariam sob custódia da oposição; unidade que protege Kadafi se rende.

Saif al-Islam, filho de Muamar Kadafi - Foto: EFE Os rebeldes garantem que já controlam a quase totalidade de Trípoli. E o que parece provar isso mesmo, são os festejos na Green Square (Praça Verde), no coração da capital e onde já se avistam as bandeiras da oposição.
O porta-voz dos rebeldes disse ainda que «o fim de Khadafi é agora uma certeza» e que este apenas tem de optar entre fugir, ser preso ou ser morto. No entanto, acredita que ele vai optar pela fuga.
O ataque final começou sábado e, em pouco mais de 24 horas, os rebeldes cercaram a capital da Líbia e entraram nas suas ruas. Distrito a distrito, quase sem resistência dos apoiantes de Khadafi, a cidade foi conquistada.
O representante do Conselho de Transição avançou em entrevista à Al Jazeera, que um dos filhos de Khadafi, Saif Al-Islam tinha sido capturado. E, de acordo com a Reuters, outro dos filhos de Khadafi, Mohammed Al-Khadafi entregou-se aos rebeldes.
Quanto ao líder líbio, ninguém sabe do seu paradeiro. Durante a madrugada, Khadafi fez vários apelos ao povo, através da televisão, para que salvassem Trípoli, mas o povo saiu para festejar e não lutar.
Khadafi ainda não se rendeu e o fim do regime ainda não é oficial, mas pelo desenrolar dos acontecimentos, o anúncio do fim pode acontecer nas próximas horas.
O secretário-geral da NATO, Anders Fogh Rasmussen, perante os desenvolvimentos deste domingo já veio apelar para que a transição de poder «seja pacífica e imediata». Garantindo que a Aliança Atlântica está disposta a «ajudar» o Conselho de Transição a atingir esse objetivo.

Fonte: TVI 24