sábado, 16 de junho de 2012

Cachoeira contuará hospedado na Papuda

Pelo menos esse final de semana Cachoeira continuará desfrutando das instalações da Papuda gratuitamente

Por: Eliseu

cachoeiraVoltando novamente os ratos que estão conseguindo sair do lamaçal de podridão da Cachoeira goiana, quicá brasileira, comandada pelo “empresário” da jogatina ilegal, fraudes, corrupção de políticos e todo tipo de treta, Carlinhos Cachoeira, este blogueiro tem a satisfação de ter acertado na mosca quando escreveu que o bandido de gravata deveria continuar preso pelo menos esse final de semana.

Disposto a utilizar de todas as brechas de nosso sempre cego judiciário principalmente quando o bandido tem grana, muita grana independentemente da forma como foi obtida, o contraventor-bicheiro-corruptor e sabe-se mais qual tipo de crime comanda, entrou neste sábado com um novo pedido de liberdade, desta vez no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) referente à Operação Saint Michel que apura as tretas do contraventor para fraudar licitações de bilhetagem eletrônica no sistema de transportes de Brasília e entorno.

O contraventor que já tinha obtido as benesses do desembargador Tourinho Neto, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, que concedeu liberdade a Cachoeira com o despacho de habeas corpus, achando que agora seria moleza sair da Papuda, se enganou.

Não  se pode ganhar todas, e o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) deixou isso claro para o bicheiro - que é claro está acostumado a ganhar todas na “mão grande” - negando neste sábado 16 o pedido de liberdade de Carlinhos Cachoeira. A decisão do desembargador Sérgio Bittencourt, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, mantém o contraventor no complexo penitenciário da Papuda, em Brasília.

Neste fim de semana, o rato-chefe continuará desfrutando das excelentes instalções da Papuda. E gratuitamente.