quinta-feira, 12 de julho de 2012

O corno agradecido

No: Terra Brasilis

cornoEm gravações  feita pela PF, o 1º  suplente do ex-senador Demóstenes Torres (ex é ótimo), o Wilder Morais (DEM-GO), diz que é  muito grato ao contraventor Carlinhos Cachoeira. Grato por tê-lo colocado na política e no governo de Marconi Perillo, como secretário de Infraestrutura. Sempre com ajuda e indicação do Demóstenes Torres. É o que indicam áudios inéditos gravados pela Polícia Federal e obtidos pela FSP, de sete conversas entre Wilder e Cachoeira, que se referia a ele como “senador”. Esse papo todo de cordialidade e agradecimento aconteceu em plena crise do casal Wilder e Andressa Morais. Andressa é a atual mulher de Cachoeira. Conheceu-o em um jantar na casa de seu então marido Wilder, e diz que foi amor a primeira vista. Cachoeira escolheu o vice do ex-senador Demóstenes Torres, que por gratidão faria tudo o que Cachoeira lhe pedisse. Beleza! Será que Wilder também é grato ao Cachoeira por ele ter ficado com a sua mulher? Com certeza, Wilder Morais é sócio remido do Clube dos Cornos. Vai ser manso assim lá no DEM. Wilder ganhou o título de cidadão de Anápolis, em homenagem oferecida por um sobrinho de Cachoeira, o vereador Fernando Cunha (PSDB). Estão ligados e mancomunados: Cachoeira, Demóstenes, Perillo, Wilder, Leréia, Fernando Cunha e outros. Eles fundaram em Goiás a República do Cachoeira. E é esse suplente, o corno agradecido, que vai ocupar a vaga do Demóstenes Torres! O DEM piora a cada dia o seu quadro de políticos, é um pior que o outro. Aff!

Jussara  Seixas