sábado, 25 de agosto de 2012

ES: “Ortoridades” estão loucas?

Aqui no ES desempregados se “atrevem” a pescar para comer. São presos e acorrentados! Garota dirige bêbada, desacata policiais e ganha carona para casa na viatura da polícia. Motorista toma umas “pingas”, vai dormir no corro e é preso

Por: Eliseu 

loucoDe vez em quando escrevo aqui no O Carcará que tenho a impressão que o calor dos trópicos aqui abaixo da Linha do Equador, nesse belo País chamado Brasil deixa as “ortoridades” de miolo mole. Agora tenho certeza, e não são apenas as “ortoridades”, incluindo ai obviamente nosso desonestos políticos. Esse blogueiro também deve ter “fervido” seus miolos. A diferença é que os políticos e “ortoridades” em geral usam os seus ferventes miolos, algumas para roubar o erário público e outras para cometer  arbitrariedades e desmandos de toda ordem.

Dia 21 deste mês publiquei aqui post intitulado “ES: autoridades… “ortoridades”?”, onde criticava o tratamento extremamente  desigual da Polícia Militar com dois desempregados que pescavam para garantir uma refeição e foram presos, algemados e acorrentados e passaram 26 horas sem comer – tudo isso sem ter sequer passagem pela polícia – e a estudante siliconada Luiza Gomes que foi “achada” dormindo completamente embriagada, com o carro danificado, pneus estourados visivelmente por alguma batida, desacatou os policiais, tirou “sarro” da Lei Seca, e a “punição” foi ser levada de carona para sua casa numa viatura da Polícia Militar (Veja o vídeo aqui). Agora o Delegado Fabiano Contarato da Delegacia de Delitos de Trânsito está dando uma “dura” na estudante e nos PM’s que se encantaram com a curvilínea e siliconada estudante.

Hoje, vejo sem surpresa, a mesma Polícia Militar que foi tão “rigorosa” com os desempregados e tão permissiva com a siliconada estudante, num caso análogo, tomar uma atitude no mínimo estranha. Conforme reportagem publicada no portal G1/ES, um motorista foi flagrado dormindo dentro do carro estacionado em local proibido na Avenida Saturnino de Brito, na Praia do Canto, em Vitória, na manhã deste sábado (25). Quando a Polícia Militar abordou o condutor Tiago Rocha, de 31 anos, o veículo estava ligado e ele deitado nos bancos da frente. Questionado pela reportagem sobre o que havia feito durante a noite, ele disse pouco: “Estou em Vitória, estou bem”. O homem foi encaminhado para o Departamento de Polícia Judiciária da capital.

Segundo a polícia, ele apresentava sinais de embriaguez e estava com a pulseira de uma boate de Vitória no punho direito. O sargento Henrique, do batalhão de trânsito da capital, disse que o motorista se recusou a fazer o teste do bafômetro. “Mas ele estava com sinais claros de que havia bebido. Os olhos estavam vermelhos, a fala embargada, a braguilha da calça estava aberta”, relatou.

Não estou aqui para advogar para bêbados, muito menos para bêbados que dirigem, como o senador tucano Aécio Neves que foi pego dirigindo bêbado no Rio, mas verdade seja dita! O motorista em questão não foi pego dirigindo. A Polícia Militar agiu com excesso de zelo, para não dizer abuso de autoridade uma vez que o mesmo estava apenas dormindo embriagado dentro de seu carro ligado.

Até onde sei, beber pode fazer mal, mas não é crime; dormir dentro do próprio carro também não é; manter o carro ligado gasta combustível mas também não é crime; estar com pulseira de boate também não é; barguilha aberta, desde que não esteja com os “documentos” à mostra também não é crime e estacionamento proibido é apenas passível de multa e em determinadas condições, reboque. Se o veículo estivesse obstruindo passagem, como garagem, que rebocassem o veículo  com o bêbado dorminhoco dentro! Nada impede que o cidadão tome umas “carraspanas” e vá curar a cachaçada dentro de seu veículo, no frescor do ar condicionado.

Ou as “ortoridades” do ES estão completamente de miolo mole, ou é esse blogueiro. Ou todos!

Leia também:

“Funcionarismo” Público: Ameaça Preventiva!

“Funcionarismo” Público: Resposta!!!