terça-feira, 28 de agosto de 2012

Garota rebelde é proibida de tirar CNH

A estudante de direito Luiza Gomes foi proibida de tirar Carteira de Habilitação por tempo indeterminado. O pedido à justiça foi do delegado Fabiano Contarato

Por: Eliseu

luiza_gomesNesse nosso Brasil infestado de corruptos, sejam políticos em sua grande maioria, e uma pequena parte os funcionários públicos incluindo aí, e principalmente policiais que se aproveitam de sua condição e, se não aceitam corrupção, se encantam com belas curvas femininas (ressalve-se que a maioria é honesta e cumpre seus deveres), felizmente como coloquei no parêntese, a maioria cumpre seus deveres, e entre eles destaca-se o delegado Fabiano Contarato, titular da Delegacia de Delitos de Trânsito do ES.

Após a jovem siliconada estudante de direito Luiza Gomes “pintar e bordar”, dirigir completamente bêbada e sem habilitação, tentar ligar o carro com um canudinho de tomar refrigerante e fumar uma nota de R$ 50,00, zombar das leis, desacatar os policiais e no final ser levada em casa de carona na viatura da Polícia Militar, a mesma polícia que demorou mais de uma hora para atender um chamado de um taxista que estava sendo assaltado, ou melhor, nem atendeu, uma vez que o mesmo foi encontrado por uma ambulância já baleado e em estado gravíssimo, o delegado Contarato pediu e a justiça proibiu a estudante de obter a carteira de habilitação. A decisão saiu nesta terça-feira (28) e foi da juíza Sayonara Couto Bittencourt Barbosa, da Vara de Inquéritos Criminais da Comarca de Vitória, conforme informou o G1/ES.

fabiano_contaratoApós tamanha benevolência por parte dos policiais militares que atenderam a ocorrência, o delegado Fabiano Contarato aplicou multa na garota rebelde que disse: “é lógico que eu bebi, bebi um pouco como qualquer pessoa da festa bebeu”, por assumir ter ingerido bebida alcoólica, fumar uma nota de R$ 50 e ligar o carro com um canudinho, além claro, de não poder tirar habilitação por tempo indeterminado.

Se tivéssemos mais delegados do mesmo naipe de Fabiano Contarato, certamente as coisas mudariam para melhor aqui abaixo da Linha do Equador.

Veja o vídeo da estudante que fumou R$ 50,00 | Não esqueça de DESLIGAR a rádio clicando stop