terça-feira, 4 de março de 2014

Serra chora!

Para os desavisados não estou falando de José Serra e sim de Serra, minha cidade no Espírito Santo

Por: Eliseu 

prefeitura_serra_descasoSerra, a bela cidade do morro Mestre Álvaro e de lindas e extensas praias, chora! Chora porque apesar de dotada de tantas belezas naturais, nosso sistema eleitoral permite que sejam formados verdadeiros “cartéis” de políticos que nos enfiam goela abaixo suas candidaturas e sejamos obrigados a escolher o que achamos será o menos pior.

Nossa cidade vem desde sempre sendo administrada (?) por políticos que só pensam em si próprios e seus patrocinadores (os tão endeusados empresários na concepção do Audifax). Dão alguma “esmola” a seus lacaios e permanecem no poder indefinidamente. Temos o exemplo clássico do “Dr.” (só aceito tratá-lo por doutor quando ver seu diploma de doutorado e constatar que não é falso) Sérgio Vidigal e Audifax Barcelos. Os prefeitos anteriores não vale a pena comentar.

Sérgio Vidigal, após dois mandatos seguidos de muita enganação, fazendo maquiagem em postos de saúde e asfaltando ruas e vielas sem nenhuma infra estrutura, lançou o então desconhecido Audifax Barcelos para sucedê-lo. Ai começou o teatro: viraram adversários políticos aos olhos da população, mas estão se perpetuado no poder. E o pior: nada fazem pela sofrida cidade. Vidigal no seu ultimo mandato esteve envolvido em denúncias de corrupção. Audifax só faz lamentar que pegou a prefeitura quebrada. Enquanto isso 1 ano e 3 meses se passaram e nada foi feito. Nada mesmo!

Por enquanto vou mostrar algumas mazelas do tradicional bairro Jardim Limoeiro. Logo passo para o restante de cidade que é bem grande. Haja gigabytes para armazenar fotos e vídeos. Ainda bem que atualmente temos dispositivos que conseguem armazenar uma enorme quantidade de material que será usado para lembrar os eleitores.

A foto acima é da “Rua” XX, em Jardim Limoeiro. E aquele “belo” depósito criadouro do mosquito da dengue, ao ser perguntado à vice prefeita e ao secretário de obras se seria da prefeitura, foi dito com veemência que não. Pertence a uma empresa que presta serviços à prefeitura. Tá explicado porque a prefeitura da Serra nada tem a ver com a situação. Muito bom!

Postagem original no Blog Serra em Foco de minha propriedade. Foi criado para mostrar as mazelas (e se tiver, as benfeitorias) da administração municipal.