segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Marina!

Por: Eliseu

marina_silvaComo já era esperado desde o acidente que vitimou o candidato à Presidência da República Eduardo Campos, sua vice de chapa, Marina Silva “aceitou” substituir Campos na disputa eleitoral.

E também como já era de se esperar, Marina Silva na sua ânsia pelo poder, sua falta de ética e moral sequer esperou o sepultamento de Eduardo Campos. Já no sábado (16) o jornal online Folha Vitória e o restante da mídia anunciava que Marina Silva tinha aceitado concorrer à Presidência da República em substituição à Campos. À noite, o Jornal Nacional de William Bonner também anunciava com satisfação o “aceite” de Marina.

De acordo com o jornal online, a candidata à Vice-Presidência da República Marina Silva aceitou ser cabeça de chapa da coligação Unidos para o Brasil, em substituição ao ex-governador de Pernambuco  Eduardo Campos (PSB), que morreu quarta-feira (13). O presidente do PSB, Roberto Amaral, foi à casa de Marina para saber se ela autorizava uma consulta ao partido sobre a candidatura dela ao cargo. Ainda de acordo com o jornal online o líder do PSB na Câmara dos Deputados, Beto Albuquerque (RS), a ex-ministra aceitou que seja feita a consulta para saber se o partido concorda com sua candidatura à Presidência da República em substituição a Campos. Beto Albuquerque confirmou que Marina disse sim à consulta e que aceita disputar a presidência pela coligação formada pelo PSB, PPS, PPL, PRP, PHS, além da Rede Sustentabilidade, este último criado por Marina Silva com assinaturas que não puderam ser autenticadas, - ou falsas - e que por esse motivo ainda não tem registro.

Nada de errado em Marina Silva ter aceitado substituir Eduardo Campos, mas seria de bom tom que ela esperasse pelo menos seu sepultamento, em respeito à família.

Pela conduta de Marina que demonstra verdadeira sede pelo poder e com o mafioso corrupto Aécio Neves na disputa dá para ter uma prévia do que virá pela frente. Aguardemos. Há… e que esse acidente seja investigado direitinho. Estranho a caixa-preta da aeronave não ter registro de áudio!