sábado, 20 de novembro de 2010

Incêndio subterrâneo em mina da Nova Zelândia impede resgate

Por: Eliseu

Um incêndio subterrâneo foi detectado na mina neozelandesa na qual 29 mineiros estão desaparecidos após uma explosão na sexta-feira, impedindo a entrada das equipes de resgate, anunciou neste sábado o diretor-geral do grupo minerador.
"As amostras recolhidas indicam que há algum tipo de aquecimento no subsolo, o que significa que há uma combustão de material que gera os gases" detectados nestas amostras, disse Peter Whittall. A análise das amostras de ar atrasava a entrada das equipes de resgate para buscar os 29 mineiros que seguem desaparecidos.
Desde a explosão ocorrida na sexta-feira na mina, não houve contato com os 29 mineiros. Whittall disse que, por enquanto, "não é seguro que as equipes de resgate entrem". Ele acrescentou que o incêndio pode ser composto por carvão incandescente, em vez de grandes chamas, o que, no entanto, gera monóxido de carbono, um gás tóxico. Segundo Whittall, por enquanto não há como determinar quando os socorristas poderão entrar.
A explosão aconteceu às 16h30 locais (1h30 de Brasília) de sexta-feira na mina de Pike River de Grey District, na costa oeste da ilha do sul da Nova Zelândia, no centro da região mineradora do país.
Os 29 mineiros desaparecidos têm idades entre 17 e 62 anos. Entre eles estão cinco estrangeiros: dois australianos, dois britânicos e um sul-africano. Outros dois sobreviveram e encontram-se hospitalizados com ferimentos leves.
Fonte: Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este espaço é livre. Os comentários são de total responsabilidade dos seus remetentes, não representando necessariamente a minha opinião.
Todos os comentários serão publicados após moderados, mas os comentários anônimos nem sempre serão respondidos.
Porém, não serão tolerados spams, insultos, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.
Textos ofensivos ou que contenham agressão, discriminação, palavras ou expressões grosseiras e sem estarem inseridas no contexto, ou que de alguma forma incitem a violência ou transgridam leis e normas vigentes no Brasil serão excluídos.