terça-feira, 11 de janeiro de 2011

São Pedro é o culpado pelas enchentes. Dizem os Tucanos

 Por: Eliseu
Mais uma vez vemos a repetição das lamentáveis inundações em São Paulo, com incalculáveis prejuízos materiais, como pôde ser visto em imagens de todas redes de TV, onde se perderam carros, caminhões, casas dentre outros. Agora com o agravante da perda de pelo menos 13 vidas confirmadas  e outras que certamente virão. O que mais deixa perplexo é que de acordo com os tucanos que estão a 16 anos no poder,  a culpa é de São Pedro. A chuva é sim obra da natureza, inundações não, é fruto da incompetência e corrupção.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, pelo menos 13 pessoas morreram na Grande São Paulo e interior do Estado por causa das chuvas que começaram a cair ainda na noite de segunda-feira. Entre as vítimas fatais estão cinco mulheres em São José dos Campos, três pessoas em Mauá, três na capital paulista, uma em Mogi das Cruzes e uma em Embu das Artes.
Entre as vítimas de São José dos Campos estão duas crianças de 3 e 11 anos e uma senhora de 54. Outros dois adolescentes, de 13 e 16 anos, foram socorridos com vida a um hospital local. O acidente ocorreu na avenida Rio Comprido, por volta das 23h. Cinco casas foram soterradas.
Em Mauá, uma pessoa morreu com o desmoronamento de uma casa na rua Vereador Alberto Ratti, 623. Outras duas pessoas morreram com o desabamento de uma casa na rua Dorival Rezende da Silva. Ainda na cidade, na rua Zoado Ferreira da Silva, 209, duas pessoas ficaram feridas e foram socorridas pelos bombeiros.
Por volta de 0h30, mãe e filha morreram após o desmoronamento de uma casa no bairro Furnas, zona norte de São Paulo. Elas chegaram a ser socorridas a um pronto socorro, mas não resistiram aos ferimentos. A residência ficava na rua Virgínia de Araújo, 450.
Também por volta da 0h, um barranco desmoronou sobre uma casa, localizada na rua Nilton Machado de Barros, 675, Parque Fernanda, região do Capão Redondo, zona sul paulista. Os bombeiros chegaram ao endereço a 1h e, uma hora depois, encontraram uma pessoa com vida. Mais tarde, porém, foi noticiada a morte de uma pessoa, cujo sexo ainda não foi identificado.
O município turístico de Embu das Artes, na região metropolitana, registrou uma morte, e uma pessoa também morreu em Mogi das Cruzes, por afogamento.

Esta é a realidade do estado mais poderoso da Federação, que por culpa das administrações incompetentes e corruptas vem enfrentando esta terrível situação.

2 comentários:

  1. Cá estou eu de novo amigo Eliseu.
    Coitado de São Pedro e de quem mais axarem para cristo. Minha opinião é que o preço do progresso é este ou mais, a NATUREZA ESTA COBRANDO O QUE É DELA. Sem contar que o povo contribui muito para tudo isto.Lixos nas ruas, casas construidas sem uma maior avaliação do local, políticos que não estão nem aí. Mas em fim é triste ver milhões de pessoas sem teto e sem seus entes querido. Mas o ser humano tem que agir de uma outra forma. Vem o carnaval e na passarela do samba tudo é esquecido.
    Fica em paz meu amigo.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  2. É amiga, tenho que concordar plenamente com você. Todos contribuiram para o que está acontecendo. E penso que é só o começo da cobrança pela natureza. Bjos.

    ResponderExcluir

Este espaço é livre. Os comentários são de total responsabilidade dos seus remetentes, não representando necessariamente a minha opinião.
Todos os comentários serão publicados após moderados, mas os comentários anônimos nem sempre serão respondidos.
Porém, não serão tolerados spams, insultos, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.
Textos ofensivos ou que contenham agressão, discriminação, palavras ou expressões grosseiras e sem estarem inseridas no contexto, ou que de alguma forma incitem a violência ou transgridam leis e normas vigentes no Brasil serão excluídos.