domingo, 8 de janeiro de 2012

Governo tucano entrega “casas de barro” à população

CASAS EM FRANCAUm dito popular que se aplica com perfeição aos brasileiros, e, especialmente aos paulistanos é aquele que diz que “cada povo tem o governo que merece”. No caso dos paulistanos, o corrupto e enganador partido do maconheiro, corno manso e rei da privataria Fernando Henrique Cardoso, o PSDB que nunca cumpre o que promete.

De acordo com um integrante do próprio PIG que tanto protege os tucanos, a Folha, os moradores do de um conjunto de casas populares no Conjunto Santa Bárbara reclamam que o governo do tucano Geraldo Alckmin teria lhes entregado casa de barro.

Segundo a Folha, “toda vez que chove, a autônoma Leandra Aparecida Pereira, 31, e os três filhos já sabem: os móveis têm que ser arrastados e os rodos devem estar por perto.

Desde que se mudaram para uma casa popular no Jardim Santa Bárbara, em Franca (SP), há oito meses, o problema é o mesmo: a água escorre do forro e desce pelas paredes de todos os cômodos”

Ainda segundo a Folha, “a mesma situação é vivida por todos os 15 moradores. As casas, entregues pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) a 72 famílias em maio do ano passado, ficam em uma área sem asfalto.

Segundo o governo, a empreiteira tem a obrigação de monitorar as obras pelos 90 dias seguintes à entrega para reparar falhas. Em Franca, os moradores disseram ter reclamado à construtora logo após receber os imóveis, mas não houve correção.

Esse é o governo que os paulistanos vem mantendo com o voto livre por praticamente duas décadas consecutivas. Pra quem gosta… 

Por: Eliseu

2 comentários:

  1. Olá! Conheci teu blog através do Avivar_Cel e já estou seguindo! Te convido a conhecer meu blog e seguir também! Ótima semana! Abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentropraforafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá Elaine,
    Obrigado pela visita e me seguir. A Célia é uma grande amiga.
    Também estou te seguindo.
    Abraços,

    ResponderExcluir

Este espaço é livre. Os comentários são de total responsabilidade dos seus remetentes, não representando necessariamente a minha opinião.
Todos os comentários serão publicados após moderados, mas os comentários anônimos nem sempre serão respondidos.
Porém, não serão tolerados spams, insultos, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.
Textos ofensivos ou que contenham agressão, discriminação, palavras ou expressões grosseiras e sem estarem inseridas no contexto, ou que de alguma forma incitem a violência ou transgridam leis e normas vigentes no Brasil serão excluídos.